terça-feira, 9 de julho de 2013

Sessão de retrato - junho de 2013

Nada mais justo do que colher os frutos do que se planta. E tenho plantado muito desenho, especialmente gestual. Por isso percebi uma melhora na abordagem e na resolução dos problemas que a sessão de retrato me propôs.
Novamente eu escolhi utilizar as 4 sessões não para completar uma pintura, mas para fazer vários exercícios. O primeiro deles foi o gestual utilizando carvão e lápis carvão.
Como as circunstancias atuais na minha vida não permitem trabalhos mais longos, tenho feito mais desenhos gestuais, a maioria com grafite, o que me ajudou bastante neste primeiro exercício.

Retrato ao vivo - carvão
(clique para aumentar)

Na aula seguinte utilizei giz pastel em tons de cinza. Até que me virei relativamente bem com os problemas extras que o uso de valor traz... 

Retrato - giz pastel em tons de cinza
(clique para aumentar)

Nas duas outras aulas eu usei giz pastel colorido e, por falta de treino ou por algum cacoete, tive alguns problemas, especialmente por usar cores muito saturadas, o que torna difícil o controle.
Fiz uma primeira tentativa frustrada e depois um segundo que avancei mais, mas com os mesmos problemas.

Retrato - giz pastel colorido
(clique para aumentar)

Duas fotos que vou colocar por curiosidade.
A primeira estão todos os estudos juntos, inclusive o que parei na metade, e na segunda uma foto minha, da modelo e do desenho juntos.




Foto de Elisa Takiguthi

Um comentário:

  1. Você está de Parabéns, Greghi. Acredito que está no caminho certo, sem desvios e mais foco.

    ResponderExcluir

Dê vida ao blog. Comente!